Episódios do podcast

#132 - Putas

Prostituta: “Muitos héteros procuram travestis porque somos mais baratas”

Esta semana o Lado Bi entrevista Amara Moira, travesti, puta e doutoranda pela Unicamp. Prostituta por opção, Moira compartilha a realidade de fazer ponto nas ruas e de ser travesti em nossa sociedade: “o fato de ser trans faz com que as pessoas já imaginem que você é puta. As pessoas me abordam na rua do nada e perguntam qual é meu preço”. EBissexual, conta que começou a se prostituir como maneira de recuperar sua autoestima: “Sentia uma solidão muito grande quando comecei minha transição. Tinha medo de me envolver sexualmente com as pessoas, mas no ponto eu era desejada.” Sua formação acadêmica, acredita, não garante seu futuro: “Talvez hoje eu não precise tanto, mas essa pode ser minha realidade no futuro, é melhor eu me preparar desde já”. Muitos de seus clientes, afirma, são homens heterossexuais: “Nossos clientes pagam 30 reais pela transa, pagam pouco para ter acesso a muita coisa. Muitos aparecem lá perguntando voce é homem (travesti) ou mulher? Chegam com pouco dinheiro, não conseguem pagar uma mulher cis, então seguem para a travesti porque é mais barato.”

Participe da discussão! Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *