Pita Taufatofua: quem é o atleta de Tonga que conquistou a internet

Pita Taufatofua: quem é o atleta de Tonga que conquistou a internet

O porta-bandeira de Tonga entrou todo reluzente na cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos e roubou a cena

por Marcio Caparica

Entre vários momentos arrepiantes da belíssima cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, houve um momento que não estava no script mas tomou conta das redes sociais: a entrada do porta-bandeira de Tonga, o lutador de taekwondo Pita Taufatofua.

O bonitão entrou no estádio do Maracanâ sem camisa, vestindo apenas uma ta’ovala (um traje típico de Tonga), coberto em óleo, paquerando as câmeras e fazendo os corações baterem mais rápido. O Twitter todo começou a babar e fazer a mesma pergunta: quem é esse boy e como a gente faz pra ir pra Tonga?

Pita Taufatofua - Tonga

Taufatofua nasceu na Austrália, mas cresceu em Tonga, e é o primeiro atleta do país a competir no taekowndo em nível olímpico. Ele é um dos sete atletas que estão competindo por esse reino da Polinésia, que só ganhou uma medalha olímpica em sua história: uma medalha de prata em 1996.

De acordo com o jornal Fiji Times, em sua trajetória até chegar nos Jogos do Rio o atleta fraturou seis ossos, rompeu três ligamentos, passou três meses numa cadeira de rodas, um ano e meio de muletas e gastou centenas de horas na fisioterapia. Uma página no site Generosity.com com uma campanha para arrecadar dinheiro para seu treinamento afirma que “ele sacrificou toda sua vida adulta trabalhando em abrigos para pessoas sem teto e sem recursos.”

O jornal USA Today conta que o atleta de 32 anos já havia tentado qualificar-se para os Jogos Olímpicos duas vezes antes. O jornal contactou Jacinta Sitapa, uma amiga do atleta, pouco após ele desfilar pelo campo do Maracanã. Ela afrma que a ideia de usar o traje tradicional foi do próprio Tafatofua: “essa é a primeira vez que a equipe de Tonga faz algo assim”, conta ela “Era algo importante para Pita. Ele é muito patriótico e adora a cultura de Tonga. Ee não sabia se seria escolhido para levar a bandeira, mas ele queria muito fazer algo que representasse o país”.

Ele vai competir na divisão masculina para lutadores com mais de 80 quilos no sábado, 20 de agosto (podem anotar na agenda).

Nos jogos olímpicos de 2012, quem carregou a bandeira de Tonga na cerimônia de abertura foi Amini Fonua, nadador que, posteriormente, declarou sua homossexualidade.

Pita Taufatofua

Participe da discussão! Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 comentários

Ricardo Rocha Aguieiras

Tonga criminaliza a homossexualidade masculina. Que pena que quem se diz militante pelos direitos LGBTs e humanos queira ir para lá e glorifique o país apenas por causa de um atleta bonito….rsrs

Reply