“Take me to church”, de Hozier, ganha vídeo por David LaChapelle

“Take me to church”, de Hozier, ganha vídeo por David LaChapelle

Depois do inesquecível dueto com Annie Lennox no Grammy, canção ganha vida nova; vídeo original combatia homofobia na Rússia

por Marcio Caparica

Mesmo quem não acompanhou a cerimônia do Grammy no último domingo ao vivo não conseguiu ficar alheio às performances marcantes que pontuaram o evento, como Madonna apresentando “Living for Love” e Sia cantando “Chandelier”. Mas sem dúvida a mais impressionante (e mais low-key) foi o dueto do cantor irlandês Hozier com a diva Annie Lennox, interpretando “Take Me To Church” e “I Put A Spell On You”.

O single saiu em 2013 num EP de mesmo título, e agora está ganhando uma segunda vida com o lançamento do primeiro álbum do artista, intitulado simplesmente Hozier. Além da atenção de ícones como Annie Lennox, a canção despertou o interesse de outros artistas: no último dia 7 o famoso fotógrafo David LaChapelle publicou no Vimeo (e ontem no Youtube) seu vídeo para essa canção, colaboração com o bailarino russo Sergei Polunin.

Polunin já foi o bailarino principal do British Royal Ballet, posição que abandonou em 2012. Todo tatuado e marcado por cicatrizes provocadas intencionalmente, o dançarino fez parte da campanha de Marc Jacobs ano passado, e já passou por revistas com I-DNuméro, para as quais contou sobre seu uso de drogas e suas cicatrizes. Ele agora pretende entrar para o mundo no cinema, sob a tutela do ator Mickey Rourke.

O vídeo original de “Take Me To Church”, feito em 2013, mostra uma mensagem potente contra a homofobia. Hozier declarou ao site irlandês State, na ocasião: “o vídeo faz referência ao aumento recente de ataques e torturas contra homossexuais na Rússia, que é consequência de uma campanha política longa, odiosa e opressora contra a comunidade LGBT. A canção sempre foi sobre a humanidade em seu estado mais natural, e como ela é minada incessantemente por organizações religiosas e aqueles que querem que nós acreditemos que estão agindo em prol de nossos interesses. O que está crescendo na Rússia não é nada menos que um pesadelo, e eu propus que esses temas fossem trazidos na história e Brendan [Canty, diretor do vídeo] gostou da ideia.”

Assista abaixo o vídeo de LaChapelle, o vídeo original de Hozier, e sua performance com Annie Lennox.

Participe da discussão! Deixe um comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *